Famem vai debater propostas para o Fundeb em grande encontro em março

A Famem, em parceria com a União Nacional de Dirigentes Municipais de Educação, Undime-MA, prepara um grande encontro para debater o fim do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, Fundeb. O evento está programado para acontecer no mês de março em São Luís.

A ideia é reunir uma gama significativa de representantes de várias esferas do poder constituído e da sociedade civil para debater o assunto que emerge como um dos mais importantes da pauta de debate nacional.

Uma das propostas em tramitação no Congresso Nacional, apresenta pela deputada Professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO), para o fundo enfrenta a discordância do Ministério da Educação que pretende encontrar outra solução. Segundo o ministro da Educação, Abraham Weintraub, o presidente Jair Bolsonaro é a favor da manutenção do Fundeb.

O desequilíbrio na composição do fundo é o principal ponto do debate. Pelo regime atual, os municípios e os estados são responsáveis pela maior fatia. A proposta da deputada Rezende é elevar progressivamente a participação da União, até alcançar o percentual de 40% do bolo em 2031.

Desde 2010, a União participa com 10%. A ampliação defendida pelo governo tem patamar fixado em 15%, que deve acontecer até 2026, com taxa de crescimento de 1% ao ano.

Deputado Ciro Neto destaca a importância da realização do programa Assembleia em Ação em Imperatriz

Na manhã desta segunda-feira (14), aconteceu no auditório do Imperial Hotel, em Imperatriz a quarta edição do “Assembleia em Ação”, que contou com a presença do deputado Ciro Neto.

“O ano legislativo tem um excelente início, com a primeira edição de 2020 do programa Assembléia em Ação sendo realizado em Imperatriz a principal cidade da região tocantina, a segunda mais populosa do nosso estado”, disse Ciro Neto que participou de todas as edições do programa Assembleia em Ação.

Mulher mata marido após ser agredida

Uma briga de casal terminou em tragédia na tarde desta sexta-feira (14), em Buriticupu, a 395 km de São Luís.

De acordo com informações o casal identificado como Fefe e Fabrício teria iniciado uma discussão, Fabrício acabou agredindo a esposa com um capacete, ela revidou a agressão usando uma faca, atingindo o marido com um único golpe fatal.

Fabrício ainda foi socorrido pela esposa e levado para uma Unidade de Pronto atendimento (UPA), mas já chegou sem vida.

A mulher foi conduzida para delegacia onde ficará a disposição da justiça.

Do Enquanto Isso no Maranhão

Deputado Fernando Pessoa participa do programa Assembleia em Ação em Imperatriz

O deputado Fernando Pessoa esteve na cidade de Imperatriz onde participou, nesta sexta-feira (14), da quarta edição do programa “Assembleia em Ação”, que que foi realizada no auditório do Hotel Imperial.
Fernando Pessoa destacou a importância de Imperatriz e de toda Região Tocantina para o desenvolvimento político e econômico do Maranhão.

Educação, Segurança, Saúde, PIB e IDH melhoraram no Maranhão aponta revista Veja

O aumento no salário dos professores, as reformas das escolas e a inauguração de hospitais foram alguns dos temas publicados na revista Veja sobre a gestão do governador Flávio Dino no Maranhão. “A política surtiu efeitos positivos importantes. O Maranhão viu melhorar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e os indicadores de educação. A morte de mulheres após o parto caiu, assim como homicídios”, diz a publicação desta semana.

Educação

O Indicador de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) foi um dos destaques do periódico. O gráfico publicado na revista, mostra o crescimento de 3,8 no ano de 2013 para 4,2 no ano de 2017, entre os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental. Outro gráfico mostra o crescimento ainda maior do IDEB: o indicador subiu de 2,8 em 2013 para 3,4 em 2017, entre os alunos do 3º ano do Ensino Médio.

O estado alcançou o maior índice educacional de toda a sua história, o Maranhão saiu de 22º estado da federação para ocupar o 13º lugar no ranking nacional que avalia o IDEB. Em 2020 a meta do Governo do Estado é ampliar ainda mais direitos e justiça social para todos, com a materialização de 25 novas escolas em tempo integral, formando um total de 74 escolas em regime integral.

Segurança

A revista Veja destacou ainda a redução no número de mortes violentas intencionais no Maranhão. O levantamento foi feito com base nos anos de 2014 a 2018, a cada 100 mil habitantes. Ao comparar o ano de 2016 e 2018, o gráfico da revista aponta a diminuição no número de mortes violentas que passou de 33,7% para 25,2%.

 

Outro importante avanço na área da Segurança Pública no Maranhão é o declínio de 72% na taxa de homicídios da região metropolitana de São Luís. Esse declínio retirou o Maranhão da lista dos estados mais violentos do Brasil, ao excluir a capital, São Luís, do ranking das 50 cidades mais violentas do mundo.

Saúde, PIB e IDH

O número de morte de mulheres após o parto diminuiu mais de 30%, ao comparar o ano de 2016 com o levantamento feito em 2019, é o que aponta o gráfico da revista Veja. Há quatro anos consecutivos, ocorre uma diminuição no número de mulheres que morrem após o parto. Esse é um dos resultados do conjunto de políticas públicas adotadas na área da saúde visando o cuidado e a preservação da vida dos maranhenses.

O Produto Interno Bruto (PIB) de uma região é um dos indicadores mais utilizados na macroeconomia com o objetivo de quantificar a atividade econômica local. Na matéria da Veja, o gráfico mostra que o PIB do Maranhão cresceu. Em 2014 o indicador girava em torno de 3,9%, em 2017, esse número subiu para 5,3%.

Outro índice importante e que avalia as melhores condições de vida das pessoas é o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). No Maranhão esse índice aumentou. Ao comparar o IDH do estado em 2014 com o IDH em 2017, registra-se o crescimento do índice, o que significa melhores condições de vida dos maranhenses.

Vereadores de Tuntum aprovam Requerimentos convocando os secretários Magno e Fabrício a prestarem esclarecimentos

 

A Câmara de Vereadores de Tuntum aprovou na sessão desta sexta-feira (14) dois requerimentos convocando os secretários de Educação, Magno Melo e dê Saúde, Fabrício Coelho, a comparecerem a Casa Legislativa para prestarem esclarecimento sobre funcionários fantasmas e salários superfaturados.

Magno Melo será o primeiro, pois a data de seu comparecimento será 26 de fevereiro e Fabrício Coelho ficou marcado para os dia 6 de março.

A votação ficou empatada e o presidente Nelson do Nanxi desempatou, votando pela aprovação do requerimento do vereador Wellington Pessoa.

Desta forma segundo o vereador Wellington, dependendo de como seje as explicações dos secretários será ou não instalada uma Comissão Parlamentar de inquérito – CPI, para instalação precisa de penas 5 vereadores.

Deu na Veja: Sob o comando de Flávio Dino, IDH do Maranhão melhorou

Reportagem da Revista Veja constatou que o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Maranhão melhorou na administração do governador Flávio Dino.

O índice, que era de 0,678 em 2014, subiu para 0,687 em 2017, último ano de aferição.

Uma das prioridades do governador, a melhoria do Índice de Desenvolvimento Humano é reflexo das ações do programa Mais IDH, que atua nos municípios mais pobres do Maranhão.

De Clodoaldo Corrêa

PCdoB oficializa pré-candidatura de Rubens Jr à prefeitura de São Luís