Para Márcio Jerry, vídeo ministerial escancara descaso de Bolsonaro com a pandemia

“A única coisa que não interessa a Jair Bolsonaro, como o vídeo revela, é a pandemia do coronavírus”. Foi assim que o vice-líder do PCdoB, deputado federal Márcio Jerry (MA), reagiu às revelações trazidas pelo vídeo da reunião ministerial de 22 de abril, liberada nesta sexta-feira (22) pelo Supremo Tribunal Federa (STF)

Para o parlamentar, os esclarecimentos trazidos após a quebra de sigilo determinada pelo decano Celso de Mello deixam claro o desinteresse do mandatário com o tema que deveria ser central para o país.

“Bolsonaro não está nem aí para a situação dos brasileiros infectados, para as famílias que perderam entes queridos, para medidas necessárias para o combate ao coronavírus”, disse, no dia em que o Brasil reportou mais 1.001 mortes pela doença em 24 horas. Com 20,8 mil novos casos – totalizando 330,8 mil –, o Brasil passou a Rússia e se tornou o 2º país com o maior número de afetados pela covid-19, ficando atrás apenas dos Estados Unidos.

O conteúdo do vídeo, divulgado nesta sexta, é considerado peça-chave no inquérito que apura se o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tentou interferir politicamente em investigações da Polícia Federal (PF).

Em uma reunião recheada de palavrões, o presidente defendeu, escancaradamente, o armamento da população, minimizou o potencial da pandemia, atacou prefeitos e governadores que defendem o isolamento social como medida de enfrentamento à doença e corroborou as acusações feitas por Moro, durante sua renúncia, em 24 de abril.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *