Crise no partido do presidente: ‘Laranjal’ derrubou ministro, indiciou outro e pode gerar debandada do PSL

Desde fevereiro, o partido de Jair Bolsonaro (PSL) enfrenta denúncias envolvendo candidaturas “laranjas” na eleição do ano passado. Os casos já levaram à queda de um ministro, a acusações contra outro e à perda de força do presidente da sigla, o deputado federal Luciano Bivar (PE). Os efeitos políticos das denúncias já puderam começar a ser vistos na terça-feira (08), quando Bolsonaro pediu para um apoiador esquecer o PSL. Após a repercussão do comentário, uma ala da legenda também organizou um manifesto de apoio a Bivar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *