Criação da UemaLeste volta a ser discutida na Assembleia

Em discurso na semana passada, o deputado Adelmo Soares (PCdoB) levou para a Casa Legislativa o debate sobre a implantação da UemaLeste na cidade de Caxias. Proposta que já vem sendo debatida há alguns anos e agora ganha novos reforços, ao ser tratada como bandeira em prol da regionalização do ensino superior.

De acordo com o parlamentar, outros estados brasileiros já têm instituídos Universidades e Centros de Ensino Superiores em regiões plurais, de forma a atender às demandas locais, numa proposta de ampliar o leque de investimentos em Educação, Pesquisa e Extensão, eixos prioritários dentro do ensino superior, de modo a contribuir para o desenvolvimento socioeconômico da região.

“Bem sabemos que o acesso ao ensino superior precisa ser ampliado em nosso Estado. No nosso país, ainda são inúmeros os entraves. Entretanto, podemos perceber que nos estados das regiões Sul e Sudeste, a regionalização do ensino superior já vem sendo tratada há alguns anos, o que resulta em maiores avanços não somente no número de pesquisas acadêmicas, mas, sobretudo, na oferta de cursos de graduação, mestrado e doutorado. O Nordeste não pode ficar atrás destes grandes centros. O Maranhão, sobretudo, é uma região plural e diversa, devido aos seus 217 municípios, e o ensino precisa refletir esta pluralidade”, afirmou o deputado Adelmo Soares.

Outro ponto abordado pelo parlamentar diz respeito ao fato de que estados do Nordeste, como Paraíba, Ceará, Piauí e Pernambuco investiram na regionalização da educação universitária, o que ajuda no desenvolvimento dos municípios. “São inúmeros os campi e universidades que existem dentro desses estados, e um dos grandes resultados é, sobretudo, para a economia dos municípios. As “cidades universitárias” são um ganho para o Estado e para uma maior independência aos cofres municipais”.

Clamando por apoio dos parlamentares da região leste maranhense para que seja consolidada uma Frente Parlamentar para acompanhar as discussões do projeto que beneficiará cidades como Caxias, Coelho Neto, Codó e Timon, o deputado chamou a atenção de Arnaldo Melo (MDB), ex-governador do Maranhão e deputado estadual.

Para Arnaldo Melo (MDB), é preciso compreender que tanto a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), quanto a Universidade Federal Maranhão (UFMA) já estão com “maior idade”. “A necessidade de instituirmos um campus completo para a região (leste) é algo relevante para a nossa sociedade. É a forma de dar apoio à região e entender a sua expressão dentro do Estado. O Maranhão está crescendo, a juventude está crescendo e nós precisamos levar as faculdades ao encontro dos jovens, ao encontro das pessoas”, afirmou o parlamentar.

Agora, o deputado Adelmo Soares (PCdoB) deverá entrar com requerimento nos próximos dias para tratar da questão e solicitar a formação da Frente Parlamentar em prol da Criação da UemaLeste, que já contará com a subscrição de Arnaldo Melo (MDB), entre outros membros da Casa, como é o que caso dos deputados Cleide Coutinho (PDT) e Zé Gentil (PR).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *